Hipster, hacker e hustler: O MVP da sua equipe

Existem três coisas fundamentais dentro de uma startup: produto, equipe e mercado. É quase impossível ver uma startup prosperar sem um desses elementos. Hoje, vamos falar de equipe. Afinal, quem já foi atrás de sócios sabe a dificuldade que existe para encontrar pessoas com o comprometimento e conhecimento certo para fazer acontecer.

A verdade é que um time comprometido e motivado pode ser a diferença entre você se tornar um google ou mais um no mercado. Mas como montar o time perfeito com poucos recursos? Bem, Rei Inamoto CCO da AKQA trouxe a resposta: “Para gerir um time eficiente, você só precisa de três pessoas: um hipster, um hacker e um hustler”.

Veja também:

É o famoso Mininum Viable Team, ou seja, a menor equipe possível para conseguir levar sua startup para frente. Hipster, hacker e hustler são mais habilidades do que cargos e é possível que você tenha mais de uma dentro de você, mas é raro.

CASE_hipster_hacker_hustler

É difícil encontrar um hacker que ao mesmo tempo em que programa, monta o design e cria experiências. Da mesma maneira que é difícil encontrar um gênio gráfico que consegue programar e ainda assim vender o produto. Claro, é possível ter juntas algumas dessas habilidades, mas para conseguir dar o melhor é preciso um especialista. Mais que isso, é fundamental uma pessoa dedicada especialmente para cada uma dessas atividades. Você já se imaginou programando, pensando produto, criando layouts e ainda fazendo apresentações, apertando mãos e encantando seu clientes sozinho? Parece um cenário insustentável.

Para sua startup decolar você precisa desses três perfis trabalhando com você. Mas afinal, o que exatamente é um hipster, um hacker e um hustler?

O time dos sonhos da sua startup: hipster, hacker e hustler

O Hipster

A função do hispter é fundamental dentro de uma startup: entender as necessidades do consumidor para criar, comunicar e empacotar um produto que seja fácil de entender e consumir. Não é uma tarefa fácil, mas o que em uma startup é fácil?

O hipster é a pessoa que conecta seus usuários a seus produtos. Ele usa a criatividade para criar uma identidade visual e uma cara para sua startup. Esse profissional é um combo de designer com um product manager e um user experience, fundamental na sua startup.

O Hacker

Esse até dispensa apresentações. Não existe startup sem um hacker dentro de casa. A história das startups está repleta de grandes hackers como Steve Wozniak, o Tim Berners-Lee e John Carmack.

O Hacker é quem acha o como para as ideias. Ele vai criar as soluções em várias linguagens de programação e conseguir tornar a startup algo real.

O Hustler

O hustler é implacável e não conhece a palavra desistir. Ele é o responsável pelas vendas na sua startup.

O hustler é quem desenvolve parcerias, conhece o mercado e consegue trazer o dinheiro para a casa. Ele usa estratégias de marketing e de vendas para conseguir trazer clientes, leads e parceiros para o seu negócio.

Juntos, esses três conseguem fazer uma startup funcionar. Ao decorrer do tempo a equipe aumenta e os cargos vão se tornando mais específicos. Você deixa de ter só um hustler e passa a ter uma equipe de inbound, uma equipe comercial e vai super especializando as funções. Mas para começartudo o que você precisa é de um hipster, um hacker e um hustler.

O CASE (Conferência Anual de Startups e empreendedorismo) lançou esse ano três trilhas de conteúdo focadas nas habilidades fundamentais de hipster, hackers e hustlers. Para que além da inspiração, networking e negócios que o evento traz anualmente, toda a equipe das startups possam se especializar e ver de perto o que as maiores empresas de tecnologia estão fazendo quando o assunto é UX, design thinking, vendas, marketing, programação e gestão de projetos.

Saiba mais sobre o CASE e como você pode desenvolver essas habilidades.

By |junho 8, 2017|ABStartups|

About the Author:

Luiza Zambrana
Formada em Jornalismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie é pesquisadora de crítica genética e estudos da criação, voluntária em iniciativas educacionais e apaixonada por transformação social. Começou sua trajetória no empreendedorismo atuando no apoio a empreendedores sociais e atualmente faz parte da equipe de comunicação da Associação Brasileira de Startups.
Quer garantir seu ingresso do CASE 2019 com desconto?Comprar agora
+ +