Estratégia de marketing digital: Como montar uma para a sua startup

Bem sabemos que todo bom empreendedor atua em diversas frentes: vendas, comercial, financeiro, mas e quem fica responsável pela estratégia de marketing digital? Aposto que grilos cricrilam em sua mente neste exato momento.

Mas fique tranquilo, neste post iremos abordar várias dicas de como estruturar uma ótima estratégia e claro, que gere resultados.

Vamos nessa?

Por que ter uma estratégia de marketing digital?

Vamos imaginar que você tem um restaurante e não comunica para ninguém seu endereço, seus serviços, seus horários de funcionamento, para absolutamente ninguém você informa sobre seu novo estabelecimento.

Você pode ter o melhor tempero da região, mas se não contar com o acaso das pessoas passarem na sua porta e serem convidados a entrar pelo aroma que exala das suas portas, dou um mês para fechar essas mesma portas.

Assim é com o marketing digital, ele é aquele que grita aos quatro cantos sobre os talentos e dotes da sua empresa para que assim, seus clientes, se interessem e sejam atraídos pela sua empresa e queiram contratar seus serviços, afinal com uma estratégia de marketing digital dessas, quem não vai querer contratar.

Entenda o funil de Marketing Digital

Aprendizado e descoberta (topo do funil)

Esta fase é conhecida como a descoberta da dor. O cliente possui um problema, mas ainda não deu um nome para o pequeno monstro que cria no galpão da sua startup. Então é aqui onde descobre a real face do seu problema. A função da  empresa é apenas apontar os problemas e garantir que está tudo sob controle e manter a atenção do possível lead.

Consideração (meio do funil)

Após reconhecer seu problema, já se inicia um certo interesse pelos seus serviços prestados. Seja ele qual for.  Mostre uma ou outra solução, revele todo seu conhecimento no assunto abordado e continue mantendo a atenção para que em cada artigo acessado o interesse possa crescer e sendo nutrido possa converter em uma venda.

Decisão (fundo do funil)

Seu cliente já sabe qual o problema, já colocou nome na coleira do monstrinho e agora basta você pegar ele e levar para passear, opa não, agora é o momento de brilhar e mostrar todos os seus dotes e claro, ser um pouco mais agressivo e vender de fato o seu peixe.

Próximo passo é estruturar um plano de inbound marketing

Marketing de atração ou Inbound Marketing

Primeiro vamos entender a ordem cronológica dos fatos. “No princípio criou o Outbound”.

Outbound, é o marketing que já conhecemos muito bem. São aquelas propagandas que “se intrometem” no nosso ponto principal de atenção, são os comerciais, popups, que entram na sua casa, cabeça, email e tudo que tiver espaço livre.

Telemarketing também é uma forma de outbound. Não que isso seja ruim, apenas é o extremo oposto do Inbound, onde é aquele tipo de marketing que te atrai, assim como citamos no tópico acima. Ele também possui estágios:

Atração

Através da produção de conteúdo relevante, atrair o interesse do cliente pelos motores de busca por meio da utilização de palavras chave relacionadas.

Conversão

Esta fase ainda não começou um processo de venda, mas é o primeiro sinal de que possivelmente esse cliente venha a investir uma grana no seu negócio. Aqui a moeda de troca são os dados do cliente.

Você oferecendo um ebook, um vídeo explicativo ou alguma planilha, qualquer material rico que venha agregar algum conhecimento para o lead e por intermédio de uma Landing Page, colher os dados da pessoa e continuar a manter um relacionamento.

Vendas

Depois do lead informar seus dados e ser nutrido por um breve tempo por e-mail marketing, ele já está maduro para realizar sua primeira compra com sua empresa, ciente de todos os benefícios que receberá.

Fidelização

Após a compra você não pode relaxar o time. Não é porque “conseguiu casar” que não irá mais cuidar da sua aparência, não é mesmo? A ideia é tornar seu cliente um promotor da sua marca, recomendar para pessoas próximas pois confia em seu produto ou serviço e sabe que pode indicar sua empresa para as pessoas que mais gosta.

Mantenha um relacionamento com seu cliente através do time de atendimento e por emails de relatórios e informações com novidades no mercado.

Marketing de Conteúdo

Compartilhar conhecimento atrai e estreita a relação com seu cliente, sem contar que torna sua marca uma referência sobre o assunto que está instruindo. Desta forma, você possui material para trabalhar a estratégia de inbound e nutrir seu lead com conteúdos relevantes e manter ativa as redes sociais para assim chamar a atenção de muito mais gente.

Existem plataformas gratuitas para a publicação de artigos, pode ser um WordPress ou um Medium, o importante é não deixar de produzir conteúdo. Há também agências especializadas em produzir conteúdo, como Rock Content, Traff e RedaWeb.

SEO

SEO significa Search Engine Optimization, em tradução livre quer dizer: Otimização para mecanismos de busca. É uma forma orgânica de tornar seu texto achável dentro dos motores de busca, como Google.

Com a utilização de palavras-chave no título do artigo e dentro do texto, url, subtítulos e imagens, seu blog vai receber mais acesso, com isso, conquista mais relevância e assim consegue subir cada vez mais nas posições e assim chegar na tão sonhada primeira página.

Links Patrocinados

Sabe aqueles links que possuem uma caixinha amarela escrito ANÚNCIO na busca do Google? Então, esses são os links patrocinados.

Eles estão tanto no Google quanto no Facebook, Linkedin, Instagram. Isso quer dizer que a empresa que está patrocinando esse link está direcionando seu anúncio para você, através de pesquisa de persona e público alvo, se você vê algum anúncio, saiba que essa empresa deseja ter você bem pertinho dela.

Email Marketing

Se você é uma daquelas pessoas que portam a opinião de que o e-mail está morto, eu te digo que está tão morto quanto o rock! A questão é que a forma de utilização pode ter sofrido algumas alterações ao decorrer dos anos, nada mais natural, até as pedras sofrem alteração com o tempo.

A ideia é informar de forma objetiva e direta seu consumidor das suas novidades, das suas dicas e dos seus materiais ricos que produz para o seu blog. Sabendo usar, sua marca pode chegar aonde nunca imaginou.

Social Media

Redes Sociais, quem hoje em dia não possui uma conta nem que seja no Instagram ou Linkedin? Saiba que se você possui um email do gmail, você já possui automaticamente uma conta no YouTube, então não conseguimos estar livres dessas conexões.

Tendo uma estratégia de marketing digital integrado com as redes sociais as chances da sua marca ficar mais conhecida é só questão de persistência e dedicação. E claro, atenção em manter um relacionamento muito mais próximo e rápido.

Teste, erre rápido, aprenda ainda mais rápido

Uma boa estratégia de marketing digital depende de muitos testes, não se trata de uma corrida de velocidade, de algo de curto prazo, mas sim de uma maratona onde os melhores resultados só virão no médio/longo prazo com o amadurecimento da estratégia.

Dentre os principais testes realizados em marketing digital podemos citar o teste A/B em sites ou landing pages para verificar qual a versão que gera mais conversões, ou os testes com diferentes palavras-chave nas campanhas de Google Adwords e os testes com diferentes imagens em campanhas de anúncios no Facebook.  

Conclusão

As vantagens de possuir uma estratégia de marketing digital é que absolutamente tudo pode ser mensurado, calculado e analisado para tornar todo investimento empregado neste planejamento, em lucros para a empresa.

A intenção é ter um plano integrado com todos esses tópicos sendo orquestrados da melhor forma, seja pelo próprio dono da empresa ou por uma agência especializada neste tipo de trabalho. O foco é sempre divulgar e divulgar sua marca e atrair cada vez mais clientes qualificados para o seu filtro.

E, para finalizar, uma última dica: evite as chamada “métricas de ego“, curtidas no facebook, por exemplo, geralmente não levam uma empresa a vender mais. Foque no marketing digital de performance, ou seja, acompanhe de perto os números que vão te mostrar efetivamente se a sua estratégia de marketing estão ajudando a sua empresa a vender mais.

About the Author:

Fabio Duran
Advogado formado pelo Mackenzie, Pós Graduado em Business and Project Management pela University of California e GDista, passou por grandes escritórios de advocacia até chegar ao Grupo Elefante Verde. Co-fundador da marca e plataforma de marketing digital Hubify, é obstinado por resultados e apaixonado pelos temas de persuasão e vendas.