fbpx

Employer branding – faça a sua equipe brilhar!

Existem alguns conceitos que surgem quase que por acaso e, rapidamente, se tornam bastante conhecidos. Neste texto, trataremos de um deles: trata-se da definição de employer branding.

Como você deve imaginar, para que um conceito se torne tão relevante em tão pouco tempo, existe uma confluência significativa de motivos para que essa influência seja conquistada.

No caso da expressão citada no primeiro parágrafo, existem alguns pontos que merecem destaque. E, ao longo deste texto, você, com certeza, vai entender porque tal conceito passou a ter tanto destaque.

O que podemos te adiantar de antemão: ele tem tudo a ver com colaboradores. E, se você tem dificuldade na captação e retenção de funcionários, você precisa ter especial atenção a esse texto.

Não, não é necessário entrar em pânico ou ficar assustado. Para empreendedores, é natural que o quadro de colaboradores tenha dificuldades nos primeiros momentos de uma empresa. 

Você vai perceber que, com o tempo, tudo, em todos os aspectos, tende a se acertar com a experiência adquirida dia após dia – e, é claro, a equipe também está inserida nesse contexto.

Mas é claro que, quanto menos dificuldades você tiver, melhor. E é por isso que o Blog da ABStartups está aqui: para te ajudar. 

Nós queremos te ajudar não apenas para falar da equipe da sua empresa. Tudo que é relevante para um empreendedor pode se tornar tema aqui, no Blog da ABStartups.

Para conferir com os próprios olhos, basta clicar no link acima e verificar a quantidade de textos e a infinidade de temas tratados. Tudo isso para você se tornar um empreendedor cada vez mais preparado.

Não é apenas com o conteúdo que a Associação Brasileira de Startups pode te ajudar. Temos outras maneiras para fazer com que a sua empresa também tenha benefícios.

Ao clicar aqui, você pode conferir os planos de associação à ABStartups e tudo que você terá de benefício ao escolher algum deles. É possível ser associado até mesmo sem investimento inicial!

Depois de ler esse texto (nós voltaremos a falar de benefícios e do próprio Blog mais para frente), a vontade de se associar à ABStartups, certamente, só vai aumentar.

Mas, agora, é hora de voltar ao tema deste texto. E fique tranquilo se você nunca ouviu falar de employer branding. Lembra que nós estamos aqui para te ajudar?

<h2>Tradução e origem do termo</h2>

Ao fazer uma tradução bastante literal da expressão “employer branding”, encontraremos dois problemas.

O primeiro deles: por ser tornar um conceito cada vez mais comum, muitas fontes de pesquisa já consideram que a expressão não deve ser traduzida. 

(E, antes que você pergunte: sim, fizemos esse teste no Google Tradutor e, do inglês para o português, a “tradução” é exatamente a mesma)

O segundo deles: traduzindo cada uma das palavras, a expressão fica algo como “marca do emrpegador”. Algo um tanto quanto desconexo com o que ela quer dizer de verdade.

Perceba: falamos de desconexão, não de mentira. A expressão traz uma linha de pensamento razoável para se seguir, mas passa longe de defini-la completamente.

A origem do termo para designar uma prática de mercado veio em 1990. Simon Barrow, chairman do think-thank Ekklesia, foi o primeiro a citar tal expressão – obviamente criada por ele.

É importante destacar que, ainda que de forma não designada como employer branding, traços do conceito são bastante antigos. 

Também vale comentar que não foi à toa que a expressão surgiu em 1990. Foi exatamente nessa década que os traços, citados no parágrafo acima, se tornaram mais bem desenhados e perceptíveis para qualquer pessoa.

Nesse momento, é claro que você está se perguntando do que, afinal de contas,  estamos falando. E chegou a hora de explicar com mais detalhes o tema deste texto.

<h2>O que é employer branding, afinal? Quais os benefícios que ela traz?</h2>

A definição de employer branding é algo bastante básico. A expressão define a reputação de uma empresa enquanto empregadora. 

Na prática, uma empresa que acaba se tornando um bom lugar para se trabalhar está fazendo bem o seu processo nesse quesito.

Ao desenvolver bem esse conceito dentro da própria empresa, você gera dois movimentos bastante interessantes. Um interno, outro externo.

Começando pela parte que responde à própria equipe: ninguém vai querer sair de uma empresa que é reconhecida e vista por todos (e por eles mesmos, sobretudo) como uma excelente alternativa profissional, certo?

E, claro: uma instituição que faz bem esse processo passa, também, a chamar atenção de outros profissionais. O mercado conversa, e boas práticas são reconhecidas.

Simples, não? Comandar uma empresa desejada por uma série de colaboradores é quase que um sonho para muitos empreendedores, certamente.

Agora, você deve estar se perguntando como chegar a esse nível de desejo por parte dos profissionais. Pode seguir lendo que nós já vamos falar disso:

<h2>O que eu tenho que fazer para, na prática, ser reconhecido?</h2>

Como você deve imaginar, ter uma empresa vista como uma meta para profissionais é um processo de longo prazo.

Mas toda estratégia institucional de longo prazo começa em algum momento. Que tal começar a se planejar e organizar nesse momento?

Para te ajudar, separamos sete dicas para você iniciar a organização para, daqui um tempo (e cada vez mais), ser lembrado com cada vez mais carinho pelos profissionais.

Antes, um recado: boa parte dessas (para não dizer todas) dicas envolvem um grande trabalho por parte da equipe de Recursos Humanos da sua empresa. 

Portanto, estamos considerando que o investimento em profissionais e nessa área como um todo é algo que deve ser prioritário e o primeiro ato a ser feito.

  • Ouça sua equipe

Para saber onde a sua empresa pode melhorar, nada melhor que prestar atenção em quem está nela diariamente de alguma maneira.

Ninguém melhor para falar o que precisa ser melhorado, o que deve ser reconhecido e novas ideias que podem ser estudadas e/ou executadas.

  • Comunique sua equipe

Existem algumas queixas que são frequentes em diversas empresas. A falta de um processo de Comunicação Interna eficiente é um deles.

Um profissional que não se sente conectado e/ou representado, certamente, não terá a mesma motivação. Cuide de cada detalhe e evite ruídos que podem causar situações desagradáveis.

  • Remunere bem

Embora employer branding envolva outras tantas coisas, a remuneração é algo fundamental para um colaborador se desenvolver – e viver, obviamente.

Para atenuar gastos, é possível, por exemplo, colocar parte dos ordenados como premiações por metas. O importante é manter toda a equipe motivada.

  • Invista no ambiente

Falamos aqui acima que, para trabalhar a marca da sua empresa, não são apenas os ordenados que contam. Podemos começar a falar mais a respeito agora.

Uma atmosfera de trabalho adequada, respeitosa, animada, viva e competitiva é algo que atrai todo e qualquer profissional. Converse com a sua equipe de RH sobre como ter tal caracterpistica na sua empresa.

  • Plano de carreira

Cada vez mais profissionais e empresas, com razão, investem em planos de carreira personalizados. Caso você ainda não tenha algo nesse estilo, faça com urgência.

Para você, empreendedor, é importante dar um horizonte para um profissional a fim de motivá-lo; para o colaborador, ter um norte para seguir mostra gana e vontade de crescer na carreira.

  • Candidatos, não: consumidores

Desde o primeiro instante, um potencial integrante da equipe deve saber o que é empresa que pode contratá-lo. Mais do que isso: ele deve se sentir bem no potencial novo local de trabalho.

A partir do momento que ele entra em contato com a sua empresa, crie dinâmicas e situações em que ele identifique as impressões digitais da sua instituição. Todo profissional deve ser tratado como um consumidor: com carinho, profissionalismo e atenção.

  • Redes sociais

Em pleno 2021 (ou sabe-se lá quando você está lendo esse texto), é cada vez mais natural que o primeiro contato de qualquer pessoa com uma empresa seja via redes sociais. 

Diz a sabedoria popular que a primeira impressão é a que fica, certo? Um primeiro impacto negativo passa longe de ser o ideal para tornar-se uma marca desejada por profissionais.

<h2>Vou trabalhar nisso! O que mais eu posso fazer?</h2>

Como você pode ver, employer branding é algo a ser trabalhado pouco a pouco e com benefícios a médio/longo prazo. Mas existem algumas atitudes que podem ser tomadas de bate-pronto por você.

Algumas delas nós já falamos nesse texto. Ficar sempre de olho no Blog da ABStartups, por exemplo, é uma delas.

Por aqui, você sempre vai ter dicas sobre temas caros ao empreendedorismo. Para você, empreendedor, é sempre algo válido.

Nós temos outras soluções relativas a conteúdo para você. As nossas comunidades e comitês, certamente, estão nessa lista.

Pesquisas, insights, inserções na mídia e conteúdos em geral também têm espaço por aqui – e, mais do que isso: a sua disposição.

Precisa de ajudas com pitches? Nós também temos soluções para você. Duas, para ser mais exato.

A primeira delas é o Pitch Corporate, que conecta você com alguns parceiros da ABStartups; a outra é o Pitch Gov, focado em instituições públicas.

Caso você queira a ajuda de um profissional já renomado quando o assunto é empreendedorismo, recomendamos as mentorias que apenas o Bench 360 traz para você.

Dentre as ferramentas disponibilizadas no nosso portal, nós sempre indicamos a StartupBase, um imenso infográfico sobre startups do Brasil inteiro – e altamente personalizável.

Eventos? É claro que temos! O principal deles é a Conferência Anual de Startups e Empreendedorismo (CASE), com tudo que você precisa para a sua empresa.

Nós também organizamos o StartupON, o Fórum Abstartups de Líderes de Comunidade (FALCOM) e, igualmente, o Jantar Impact. Cada um deles com uma proposta diferente – e que você pode (e deve) conhecer.

Há um jeito, entretanto, de todos esses benefícios ficarem ainda melhores. Tal jeito se chama se associar à ABStartups.

Você pode conferir todos os nossos planos de associação, bem como o que cada um deles oferece, aqui.

Mas, fica o incentivo para você: nós temos planos de associação até mesmo gratuitos para você. Não perca tais oportunidades!

Fazer o employer branding da sua empresa é um processo que vale muito a pena, mas exige planejamento. Aproveite os benefícios imediatos da ABStartups para a sua empresa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

" });