fbpx

Vendarketing: o que é e seus principais benefícios para sua startup

Quando dizemos que uma empresa está conseguindo se desenvolver de forma saudável, estamos falando que sua estratégia está sendo eficiente, certo? Resumidamente, há um impacto positivo nos resultados e métricas. E, a maneira mais eficaz de observar como está a saúde do seu negócio é acompanhando de perto dois dos seus principais departamentos: o setor de marketing e vendas.

Vale destacar que no caso de startups, estar de olho no modo como o setor de vendarketing está caminhando é ainda mais importante, já que assim é possível escalar o negócio de forma consistente.

Quer saber do que, de fato, se trata o vendarketing e quais são seus benefícios para startups? Então, te convido a pegar um café e aproveitar a leitura! 

Mas, o que é vendarketing?

As estratégias de vendarketing já existem há anos em outros países. Em inglês é chamado de Smarketing, que é a junção de Vendas (Sales) e Marketing.

Em português, o vendarketing nasce a partir da junção de dois outros termos, marketing e vendas. E, na prática, isso significa adotar um conjunto de estratégias com a intenção de alinhar os esforços dos dois setores e otimizar a jornada do cliente.

Essa forma de operar estrategicamente vem sendo um trunfo para startups se posicionarem bem no mercado, aumentarem o faturamento e alcançarem as metas desenhadas no planejamento

Afinal, com Marketing e Vendas trabalhando em conjunto, a sua startup consegue gerar mais oportunidades e fazer abordagens comerciais mais eficazes.

A ideia base deste conceito é beneficiar e promover a troca de dados relevantes entre esses setores para entregar mais valor à experiência de compra do cliente, ao longo do funil de vendas

Quais são os principais benefícios do vendarketing para sua startup?

Agora que você já entendeu do que se trata o vendarketing na prática, chegou a hora de ver quais são as vantagens dessa estratégia para sua startup. Confira!

Sincronização das ações 

A sincronização das informações é um dos resultados de uma comunicação eficaz entre marketing e vendas. E, com a ajuda de um sistema automatizado, as equipes podem acompanhar em tempo real quais são as etapas dos projetos previamente definidas em reuniões.

Posteriormente, à medida que cada etapa é realizada, as informações são atualizadas e cada profissional sabe em que momento deve atuar. 

Alinhamento das metas da startup

Quando as duas equipes operam em conjunto, fica mais fácil chegar às metas determinadas no planejamento. 

Assim, você consegue saber quantas oportunidades o setor de marketing gera para que o time de vendas possa converter. De forma geral, isso traz mais segurança e previsibilidade ao negócio 

Facilita a mensuração de dados 

Com a sincronização das ações e metas alinhadas, é possível entender quais são os gaps e melhorar os pontos de falhas e oportunidades de negócio. 

O que isso significa? Avaliar, com relatórios, o desempenho de cada campanha e de negociações de vendas para verificar quais foram as ações mais eficientes.

Essa mensuração, quando feita de forma periódica, proporciona um aprimoramento contínuo dos processos internos e da performance da startup.

Melhora a experiência dos potenciais clientes

O vendarketing possibilita que a equipe comercial atue de maneira complementar e alinhe a mensagem transmitida nas abordagens. Dessa forma, é possível entregar uma melhor experiência de compra aos clientes.

Isso é essencial para que o consumidor não sinta uma ruptura no tom de abordagem da empresa quando ele transita do marketing para vendas.

Como colocar em prática uma estratégia de vendarketing na sua startup?

Para implementar uma estratégia de vendarketing na sua statup, você precisa se atentar a alguns pontos:

  • planejamento: planejar ações de marketing, as trocas de dados e entender as necessidades da equipe de vendas, como metas de receita e orçamentos, por exemplo;
  • gestão de leads: desenvolver ações que possibilitem a captação de leads. Além disso, é fundamental gerir esses leads e segmentá-los. Depois, é preciso fazer a nutrição para entregá-los qualificados a equipe de vendas;
  • gerenciamento de dados: possibilitar acesso aos dados dos leads de forma clara para a equipe de marketing e vendas;
  • medição: definir quais métricas devem ser utilizadas para alimentar a fonte de dados. Traçar metas e KPIs para os dois times.

Conclusão

Bom, chegamos ao fim deste artigo e se você ainda está se perguntando quais são os benefícios que o vendarketing pode trazer para sua startup, eu te respondo com um importante dado!

De acordo com a pesquisa State of Inbound Report 2018, da Hubspot, empresas que alinham esses departamentos são três vezes mais eficazes.

Ou seja, quanto mais os times de marketing e vendas estiverem alinhados, a chance de erros diminui, o que impactará positivamente os resultados da startup.

Curtiu o conteúdo? Então, acompanhe a Hubify nas redes sociais e fique por dentro das novidades do marketing digital! Estamos no Facebook, Instagram, LinkedIn, Youtube e TikTok!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *